segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

As cores de Aluísio Carvão - Mestre das Cores na Caixa Cultural Rio de Janeiro


A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta até 13 de janeiro de 2013, a exposição Aluísio Carvão – Mestre das Cores, reunindo cerca de 60 obras de diversas fases do artista. Além das pinturas, a exposição traz revistas e capas de livros criadas por Aluísio, formando um panorama da obra de um dos mais conceituados pintores brasileiros.
A mostra, com curadoria de Denise Mattar, faz um percurso afetivo e retrospectivo da obra de Aluísio Carvão. As obras serão apresentadas em núcleos temáticos. No primeiro ficarão obras da fase construtivista, como Composição, Cornucópia, Claro-vermelho e Claro-verde. Esse núcleo também contemplará as obras do Neoconcretismo, como o Cubocor e Cerne-Cor, emblemáticas desse período. Da mesma época são as capas para os cadernos de Jornalismo e Comunicação do Jornal do Brasil.
O segundo núcleo reúne a série intitulada “Pipas”, dos anos 1980, com obras que lembram o movimento e as cores de sua infância, e as obras dos anos 1990, em que a cor adquire densidade, sensualidade e movimento. As cores têm concretude e se fundem, formando imagens alegres, dando intensidade, criando limites e espaços.
No terceiro núcleo, será apresentada uma cronologia ilustrada do artista.“Sua obra é luminosa, suas cores fortes ou suaves passam a sensação do equilíbrio e de alegria. É uma festa para os olhos. Sua arte, no entanto, não seguiu um curso natural de evolução, foi marcada principalmente por uma necessidade fremente de experienciar a cor e as formas”, afirma a curadora Denise Mattar.

O artista

Aluísio Carvão (1920-2001) iniciou sua trajetória como pintor ainda menino, em Belém do Pará. Em Belém, e a seguir no Amapá, sua pintura era figurativa, de cores vibrantes e sólidas. A luz dos trópicos o influenciou profundamente. Ao adotar o Rio de Janeiro, em 1949, entra no curso de Ivan Serpa e com ele participa do movimento construtivista. Aluísio foi um dos criadores do Grupo Frente, junto com Ivan Serpa, Hélio Oiticica, Lygia Clark, Lygia Pape e Ferreira Gullar, expoentes do movimento construtivista brasileiro. Dedica-se a uma pintura abstrata, em que as questões da forma e da cor são preponderantes, mas foi com o movimento Neoconcreto que o artista aboliu a diferenciação entre forma, cor e fundo.
 
 
Exposição Aluísio Carvão – Mestre das Cores (divulgação)


Serviço:
Exposição Aluísio Carvão – Mestre das Cores
CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Galeria 3
Avenida Almirante Barros, 25, centro (Metrô: Estação Carioca)
Telefone: (21) 3980-3815
Entrada Franca
Visitação: de 22 de novembro a 13 de janeiro de 2013
Horários: de terça a domingo, das 10h às 21h
Programa educativo: (21) 3980-4898
E-mail Programa educativo: agendamento.rio@gentearteira.com
Classificação etária: Livre
Acesso para pessoas com deficiência
Programação completa da CAIXA Cultural: www.caixa.gov.br/caixacultural