segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Engenho do Campo retoma atividades nesta terça-feira em Uberlândia - Minas Gerais

Distribuição de duas mil mudas estão entre as ações previstas para os próximos meses

Após muitos encontros e discussão sobre como cada um pode, através de ações cotidianas, ajudar a minimizar os impactos no meio ambiente, é hora dos estudantes universitários que integram o projeto Engenho do Campo colocarem em prática o que vêm aprendendo.
A partir do próximo encontro, que acontecerá nesta terça-feira 30 de agosto, o grupo partirá para o cultivo e seleção das duas mil mudas de árvores que distribuirão em eventos a partir do início da primavera.
“As oficinas do Projeto acontecem mensalmente e são pautadas na perspectiva das três ecologias (dimensão pessoal, social e ambiental) e da pedagogia dos 4Rs (Repensar, Reduzir, Reutilizar e Reciclar). A partir do próximo encontro, começaremos a vivenciar algumas ações discutidas, mesclando teoria e prática”, conta Francine Rezende, artista-educadora do EMCANTAR e coordenadora do Engenho do Campo.
A iniciativa é resultado de uma parceria entre EMCANTAR; ENGESET, CAT - Centro Alternativo de Tecnologia; e IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente.
Para o estudante do 7º período do curso de Geografia da Universidade Federal de Uberlândia, Leandro Oliveira Silva, participar do Projeto Engenho do Campo é uma oportunidade de aprimorar sua formação e contribuir para o desenvolvimento de ações que diminuam os impactos ambientais. “Certamente para mudar o mundo, devo começar por mim, não é mesmo? Podemos melhorar muita coisa, é preciso coragem”, afirma Leandro.


Viveiro do projeto do Engenho do Campo (Divulgação)
Serviço:
Encontro do Projeto Engenho do Campo no Viveiro de mudas da ENGESET
Dia: 30 de agosto
Horário: 14h às 17h